BUSCA
Empreendedorismo social

Empreendedorismo Social: tendência de negócio para o futuro.

Como o próprio nome já indica, os negócios sociais são empresas que oferecem produtos e serviços que melhoram a qualidade de vida da população excluída...

Primeiramente, vamos ao que significa negócios sociais. Como o próprio nome já indica, os negócios sociais são empresas que oferecem produtos e serviços que melhoram a qualidade de vida da população excluída. É importante diferenciar esse tipo de modelo de empresa de ONGs e afins porque ao contrário dessas organizações, o empreendedorismo social utiliza mecanismos de mercado a fim de solucionar problemas sociais e, é claro, gerar lucro.

Um dos nomes mais importantes desse tipo de negócio é o economista e banqueiro Muhammad Yunus. Natural de Bangladesh, Yunus criou o banco Grameen em seu país com o objetivo de ajudar a população carente a mudar sua trajetória de vida, desenvolvendo negócios que beneficiassem a própria comunidade e gerasse renda. Para isso, o banco Grameen cria condições para que essa população desenvolva melhor suas soluções criativas.  

E a trajetória de Muhammad vai além do Grameen. Ele desenvolve projetos sociais à parte em Bangladesh, onde já criou mais de 30 empresas e ainda é um dos principais questionadores do sistema econômico e financeiro em vigor. Para Yunus, esse modelo atual está próximo do seu limite, e a solução para isto seria o empreendedorismo social.

E o empreendedorismo social realmente vem se configurando como o uma tendência de negócio a partir de uma mudança gradativa de pensamento que está pautada na sustentabilidade. Para tanto, diversas instituições têm colaborado para o fomentação de negócios sociais, como a organização internacional Artemisia, a Ashoka, pioneira no campo da inovação social e a Fundação Schwab, responsável no Brasil pelo prêmio ‘Empreendedor Social’.  E mais, diversos eventos voltados para Startups também têm espaços reservados para o debate e a troca de ideias acerca de empreendimentos sociais.

Como exemplo de negócios sociais podemos citar a Benfeitoria, que é uma plataforma online e totalmente gratuita que une financiamento coletivo (crowdfunding) com outras dinâmicas de mobilização de recursos não financeiros (crowdsourcing).

Para tanto, a Benfeitoria realiza parcerias com iniciativas que tem por objetivo promover o bem social, transformando interesse coletivo em impacto positivo! Assim, através da ajuda financeira feita por meio de financiamento coletivo e o desenvolvimento de conteúdo e ferramentas que visam estimular cada vez mais pessoas e instituições a fazerem parte de projetos transformadores, o negócio segue ajudando diversos projetos brasileiros.

Saiba mais sobre a Benfeitoria pelo site ( www.benfeitoria.com ) ou assista ao vídeo: http://vimeo.com/47467758

E você, tem algum empreendimento social? Para qual problema social você gostaria de oferecer uma solução? Compartilhe sua opinião ou  a sua experiência com a gente!

 

Fonte: www.bizstart.com.br

Deixar seu comentário

Postar comentário

0 / 300 Restrição de Caracter
Seu texto deve conter 10-300 caracteres
termos e condições.